Trindade diz que campanha custa caro pela ‘compra de lideranças’

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Vereador reafirmou desejo de disputar vaga na Assembleia, mas reclamou da dificuldade de competir com “bilionários”: “A gente é prejudicado”

Rodrigo Aguiar / Rodrigo Daniel Silva

O vereador Maurício Trindade (DEM) reafirmou nesta terça-feira (13) seu desejo de disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa da Bahia mas disse ser difícil competir com “candidatos bilionários”.

“O que custa caro em uma campanha é pagar lideranças, como esses candidatos fazem, que compram prefeitos, vereadores e lideranças no interior. A gente que tem um trabalho direto com a população se vê prejudicado”, declarou.

Trindade também se queixou de pagar até hoje dívidas de campanha de 2014. “Eu, que vivo de salário, ainda estou pagando coisa de quatro anos atrás: gasolina, material gráfico, camisa”, contou.

Recentemente, o vereador teve que pedir autorização da Justiça Eleitoral para fazer o cadastramento biométrico. Ele estava impedido de realizar o procedimento em função de multas eleitorais, mas foi liberado após comprovar a quitação do débito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×