Geddel é absolvido do crime de obstrução de Justiça em ação envolvendo Lúcio Funaro

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

O ex-ministro Geddel Vieira Lima (MDB) foi absolvido nesta quarta-feira (4) da acusação de que teria obstruído as investigações das operações Cui Bono e Sépsis, nas quais é investigado por crimes de organização criminosa ao supostamente receber propina para liberar empréstimos do FI-FGTS, o fundo de investimento da Caixa Econômica Federal.

Segundo denúncia oferecida pelo Ministério Público Federal, Geddel teria tentado impedir a celebração de um acordo de delação premiada do operador financeiro Lúcio Bolonha Funaro, apontado como parceiro do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) em vários esquemas de propina, inclusive na Caixa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×