Espiões cubanos terão de abandonar o Brasil após a posse de Bolsonaro

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Bolsonaro vai tocar pra fora do País espiões de Cuba e Venezuela

Logo após a posse do presidente Jair Bolsonaro, em janeiro, o governo terá de enfrentar um problema simbólico: a retirada imediata, talvez mediante expulsão, de centenas de espiões cubanos, em sua maioria, e também venezuelanos instalados no Brasil durante os governos Lula e Dilma. A maior parte dos “agentes de inteligência” de Cuba chegou ao Brasil em meio aos dez mil cubanos do programa “Mais Médicos”. A ditadura usa seus médicos e também os agentes como mercadorias. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Arapongas cubanos vigiam os compatriotas do “Mais Médicos” e ao mesmo tempo monitoram as autoridades brasileiras dos três poderes.

Admiradora da eficiência dos espiões cubanos, Dilma propôs “acordo de cooperação” com a ditadura na área de “inteligência”, mas recuou.

O general Augusto Heleno, a quem a Agência Brasileira de Inteligência ficará subordinada, admitiu ter tomado conhecimento informal do tema.

A segurança pessoal do ditador Nicolás Maduro e o serviço secreto da Venezuela estão a cargo de cubanos, considerados muito violentos.Comentários

Mais Notícias

 ibaneis-rocha-by-div-07-e1539830858240-1024x576 Espiões cubanos terão de abandonar o Brasil após a posse de Bolsonaro Politica

BRASÍLIA

No DF, em caso raro, Ibaneis mantém indicado de adversário no cargo

 antonio-valdir-oliveira-filho-by-ag-brasilia-e1541640742985-1024x576 Espiões cubanos terão de abandonar o Brasil após a posse de Bolsonaro Politica

ACLAMAÇÃO

Antonio Valdir recebe apoio unânime para voltar à direção do Sebrae/DF

 Black-Friday-foto-ebc-1024x575 Espiões cubanos terão de abandonar o Brasil após a posse de Bolsonaro Politica

ECONOMIA

Vendas para a Black Friday podem crescer 5%, diz pesquisa

 Sheyla-Sampaio-1024x576 Espiões cubanos terão de abandonar o Brasil após a posse de Bolsonaro Politica

GOVERNO DO DF

DF: Ibaneis Rocha escolhe a primeira mulher para comandar a PM

 jair-bolsonaro-foto-Wilson-Dias-abr-1 Espiões cubanos terão de abandonar o Brasil após a posse de Bolsonaro Politica

POLÍTICA EXTERNA

Jair Bolsonaro afirma que vai fechar embaixadas ociosas do Brasil no exterior

 dolar-real-Foto-Rafael-Neddermeyer-Fotos-Publicas1-2-e1539900818716 Espiões cubanos terão de abandonar o Brasil após a posse de Bolsonaro Politica

Um comentário em “Espiões cubanos terão de abandonar o Brasil após a posse de Bolsonaro

  • 8 de novembro de 2018 em 10:46
    Permalink

    O Maduro, a dinastia Fidel e o Evo Cara de Bunda Morales? Pelo amor de Deus! Essa gente não tem nada de positivo a oferecer ao Brasil. Aliás, eu espero que o Bolsanaro retome as refinarias que a Bolívia tomou do Brasil, com aquiescência dos dos dirigentes petistas. A omissão, à época, constituiu um verdadeiro crime de lesa-pátria, bem como um verdadeiro atentado, não reprimido, à soberania nacional. Além de retomar as refinarias com as devidas reparações financeiras, os dirigentes brasileiros precisam ter a altivez de tornar o país auto-suficiente na produção de gás natural, além de desejar ao ridículo ditador boliviano um flatulência inversa.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×